Guararema decreta situação de Emergência em Saúde

Prefeito Adriano Leite adota novas medidas de combate ao Coronavírus

A Prefeitura de Guararema decretou situação de Emergência em Saúde Pública e estabeleceu novas medidas preventivas ao Coronavírus. Durante a semana diversas medidas foram tomadas para diminuir a circulação de pessoas nas ruas e, com isso, conter a disseminação do vírus. Até esta sexta-feira (20/03) o município havia registrado quatro casos suspeitos que estão em investigação.
A partir da próxima segunda-feira (23/03) estarão suspensas as aulas de todas as escolas regulares e creches da rede municipal de ensino. Todos os cursos, oficinas culturais e esportivas e eventos foram suspensos por tempo indeterminado, equipamentos públicos de visitação foram fechados e os procedimentos de rotina de saúde passaram por mudanças para garantir que nas unidades só tenham pessoas que necessitem de atendimento urgente.
Além das medidas tomadas nos serviços públicos, a Prefeitura ainda recomendou ao setor privado e entidades o cancelamento de eventos e restrição do horário de funcionamento.
As medidas anunciadas nesta sexta-feira (23/03) também preveem a proibição da entrada e circulação de veículos coletivos transportando turistas e a redução dos horários de transporte público municipal a partir da próxima semana.
“Estamos adotando diversas medidas em consonância com as providências do Governo Federal, Governo do Estado e os municípios do Alto Tietê para proteger a nossa população. Este é um momento delicado pelo qual todo o país está passando, porém com a união e conscientização de todos quanto aos cuidados necessários, vamos sair ainda mais fortalecidos”, disse o prefeito Adriano Leite.
Confira as principais medidas adotadas:
• Suspensão das aulas na rede pública municipal;
• Suspensão de eventos, cursos e oficinas;
• Fechamento de equipamentos públicos;
• Proibição da entrada de veículos coletivos com turistas no município;
•Redução do atendimento presencial nos prédios públicos;
•Remanejo da coleta seletiva
•Restrição nos horários e público do velório municipal;
•Dispensa de funcionários públicos com idade superior a 60 anos e portadores de doenças crônicas;
•Redução do transporte público municipal a partir da próxima semana;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *